Cirurgia íntima Feminina - Estreitamento Vaginal / Perineoplastia
Cirurgia íntima Feminina - Estreitamento Vaginal / Perineoplastia
Correção de imperfeições
ou alterações na região genital feminina
Correção de imperfeições ou alterações na região genital feminina
INFORMAÇÕES PRÁTICAS
  • Duração aproximada da cirurgia – 1H30m
  • Tipo de anestesia – anestesia local e sedação
  • Tipo de Recuperação – em Ambulatório ou com uma noite de internamento
  • Tempo de recuperação (até regressar ao trabalho ou à vida activa) – 5 dias

A cirurgia íntima, cirurgia feminina, ninfoplastia ou cirurgia genital, agrupa um conjunto de técnicas médico-cirúrgicas, para corrigir imperfeições ou alterações na região genital feminina, como por exemplo, a hipertrofia de grandes e pequenos lábios, acumulação de gordura excessiva no monte de vénus, púbis saliente, zona vaginal murcha ou mucosa vaginal escurecida.

Boa parte do prazer sexual da mulher está diretamente ligado à satisfação com o próprio corpo. Gorduras localizadas, insatisfação com o tamanho dos seios, por exemplo, podem interferir na saudável relação sexual da mulher. Num nível mais avançado, a vergonha do corpo por ter um órgão genital de aparência fora do comum, pode ter consequências psicológicas graves e até causar frigidez. Esta problemática, mais comum do que se imagina, pode ser facilmente resolvida com uma cirurgia plástica simples.

VER MAIS

Geralmente conduzida com recurso a uma anestesia local e sedação, o principal objetivo da cirurgia íntima é conseguir que cada mulher se sinta à vontade na sua intimidade.

Dentro das várias cirurgias incluídas nesta categoria de “cirurgia íntima” das mulheres, o Estreitamento vaginal ou perineoplastia trata-se de uma cirurgia que permite o ajustamento dos músculos, para melhoria da elasticidade e redução do canal vaginal (que pode ter ficado mais alargado devido a um parto ou ao avanço da idade). É indicado para mulheres que passam por múltiplos partos, que têm dores nas relações sexuais ou relações sexuais instatisfatórias. O procedimento cirúrgico é feito através da retirada da mucosa e encerramento do músculo do canal vaginal, permitindo o seu estreitamento. As cicatrizes são praticamente invisíveis, localizando-se no interior da vagina, ou no espaço entre a vagina e o ânus. Por norma, não é doloroso, podendo caminhar normalmente após a intervenção. A prática de exercício físico intenso não é recomendada nas primeiras quatro a oito semanas. As relações sexuais vaginais poderão ser retomadas após seis a nove semanas.

Seja com objetivos estéticos ou para correção de alguma deformidade, a cirurgia íntima poderá aumentar a sua auto-estima e melhorar a sua vida sexual. Não tenha vergonha, deixe o preconceito de lado e procure-nos para uma primeira consulta de avaliação gratuita, na qual poderá colocar todas as suas dúvidas e expor todos os seus receios.

Os melhores especialistas
para o seu tratamento

A qualidade e a segurança em procedimentos de
cirurgia plástica e de medicina estética é definida pela sua equipa médica.
Marque uma consulta e  conheça os nossos cirurgiões plásticos, que
trabalham em equipa há mais de 10 anos.

Saber Mais

 

 

 

 

PERGUNTAS FREQUENTES
As cirurgias íntimas são dolorosas?

A tolerância à dor é uma característica muito individual de cada paciente. No entanto, por norma, não é uma intervenção dolorosa. Durante a cirurgia é administrada uma anestesia local, ou anestesia local com sedação, o que elimina qualquer sensação de dor. No pós-operatório, e sendo as zonas íntimas femininas muito enervadas e sensíveis, poderá sentir eventualmente algum desconforto, que poderá ser minimizado com a prescrição de analgésicos.

Quanto tempo demora uma cirurgia íntima?

A cirurgia demora cerca de uma hora e meia e deve ser realizada numa clínica com cirurgiões plásticos especializados neste tipo de cirurgia, como é o caso da clínica MyMoment.

Que cuidados são necessários no pós-operatório da labioplastia?

Se a paciente tem um trabalho relativamente calmo, provavelmente poderá voltar ao trabalho cinco dias depois.

Quando é que a paciente pode voltar ao seu trabalho após a realização da cirurgia íntima?

A cirurgia pode ser realizada com anestesia local e sedação e a paciente tem alta no mesmo dia. Pode retornar suas atividades profissionais em poucos dias.

Quanto tempo é recomendado suspender a atividade sexual após uma cirurgia intima?

O tempo de inatividade sexual pós-cirúrgica depende do tipo de cirurgia que pretende. Sendo que poderá ir de nenhuma a 9 semanas.

É possível fazer exercício físico após uma cirurgia íntima?

É recomendado que não faça exercício físico extenuante nas primeiras quatro a oito semanas.

Crédito até 24 Meses 0% juros.
Exemplo para um financiamento de 3600€ a 24 meses, com mensalidade de 150€

Os resultados podem variar de pessoa para pessoa.

No blog MyMoment