Silhueta renovada sem próteses – o que o lipofilling de glúteos pode fazer por si

Silhueta renovada sem próteses – o que o lipofilling de glúteos pode fazer por si
O aumento dos glúteos é um procedimento que está cada vez mais na moda, para devolver uma harmonia da silhueta corporal perdida com o passar do tempo ou acentuado a curvatura da cintura. Enquanto que a colocação de próteses glúteas apenas aumenta o volume da parte superior das nádegas, a lipoescultura ajuda também a reduzir o voluma mais acima – na cintura, barriga e flancos – ou mais abaixo – nas coxas.
Em que consiste a lipoescultura dos glúteos? Trata-se de um procedimento em que a gordura em excesso nas regiões em que não as queremos é lipoaspirada e, em vez de desperdiçada, é aproveitada. Depois de tratada de forma assética e preparada, é infiltrada nos pontos onde pretendemos aumentar o volume na região glútea. É uma combinação, neste caso, de lipoaspiração com lipofilling (ou autoenxerto adiposo, em português). 
As vantagens são várias: aumenta-se o volume dos glúteos com os benefício adicionais de se remover a gordura onde está a mais, para acentuar a cintura e tornar todo o contorno corporal mais harmonioso; além disso, a gordura colhida e infiltrada é do próprio paciente, não havendo a mesma reação como se fosse um material sintético. Ou seja, não existe o fenómeno comummente designado de “rejeição”. Parte de gordura é, normalmente reabsorvida num período inicial (até 30%) e nós, cirurgiões, infiltramos maior quantidade do que a realmente necessária para compensar essa perda natural. O pós-operatório é, também, de recuperação mais rápida.
Este é o procedimento ideal para “remover daqui para colocar ali”, como tantas pacientes nos pedem!
Dr. Nuno Fradinho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

LIGAR AGORA
PEDIR INFORMAÇÕES
MARCAR CONSULTA