Usar soutien é assim tão importante?

soutien mymoment

O soutien é uma peça íntima de vestuário que faz parte das peças básicas e imprescindíveis de quase todas as mulheres. Mas será este must-have realmente essencial ao bem-estar feminino, ou terá sido esta ideia “plantada” na cabeça das mulheres e da sociedade em geral?

 

Soutien: libertador ou opressor?

O soutien surgiu no início do século XX. Depois do espartilho, as mulheres puderam, finalmente, proteger o peito sem se sentirem “espremidas” pela faixa que as deixava mais elegantes (mas muito desconfortáveis!).

Há quem o considere uma peça de vestuário funcional para realçar a mama — com o surgimento do soutien push-up ou lift-up — ou para disfarçar um maior volume, bem como uma peça de lingerie que contribui para uma maior autoconfiança. Por outro lado, é nos anos 60 que o soutien começa a ser rejeitado por várias mulheres, que se sentem mais “livres” se não o usarem.

O tema gera controvérsia. Há quem reconheça benefícios no uso do soutien, mas algumas mulheres acham antes que esta é uma “imposição” da sociedade, para que se apresentem mais recatadas, e sentem-se mais confortáveis se não o usarem.

 

E vantagens, há?

O Dr. Nuno Fradinho afirma que “é controverso se o uso do soutien previne ou não a ptose mamária (mama descaída). Existem estudos realizados nesse sentido, mas com resultados contraditórios. Teoricamente, se o volume mamário for considerável e se a pele da mama e do tórax não tiver muita firmeza e elasticidade, o uso do soutien pode ajudar a diminuir a carga sobre a pele da mama e prevenir o seu estiramento adicional, mais ainda em atividades com maior movimentação, como a prática de desporto. Mas, se a pele for saudável e o volume mamário não for demasiado, tal pode não ser necessariamente verdade.”

Na sequência do que o Dr. Nuno Fradinho nos diz e de outras evidências, conclui-se que há situações em que o uso do soutien é manifestamente vantajoso, como:

  • Na prática desportiva, dado que reduz o impacto;
  • Durante a amamentação, porque disfarça e absorve o excesso quando a lactante perde leite;
  • Noutras situações, desde que as mulheres se sintam mais protegidas e confortáveis.

Tenha um peito grande ou pequeno, deste último ponto faz parte todo o tipo de mulheres. E até as que optam por realizar uma mamoplastia de aumento — situação em que, geralmente, as mamas estão firmes e eretas — o soutien continua, frequentemente, a ser usado.

 

Muitas mulheres usam o tamanho errado

Segundo o Dr. Nuno Maria, é importante “usar o soutien apropriado”, mas mais de “70% das mulheres usa um soutien com dimensões erradas para o seu corpo”. Estes dados são corroborados pelo artigo da publicação Plastic and Reconstructive Surgery da American Society of Plastic Surgeons.

Devido a este erro na escolha do soutien, as mulheres passam a sentir uma série de incómodos, anulando o que, em primeiro lugar, as fez optar por esta peça de roupa interior: o conforto! Surge, então:

  • Má postura e dores de costas;
  • Pressão excessiva nos ombros;
  • Marcas à volta do peito e costas;
  • Sensação de aperto, quando se tem o soutien vestido;
  • Os aros incomodam.

Se tem algum destes problemas, aconselhamo-la a ver o vídeo Bra Fitting, que dá orientações de como escolher o soutien correto. À parte disso, independentemente de preferir usar soutien ou de o deixar de parte, o melhor indicador é o seu conforto! Preste atenção ao seu corpo e faça a escolha em função do seu bem-estar.

Caso da Juliana na SIC

Veja o Caso e Fotos Antes e Depois

Veja Aqui

LIGAR AGORA
PEDIR INFORMAÇÕES
MARCAR CONSULTA