MD Codes™: um caso de “facelift” não invasivo com ácido hialurónico

MD Codes™: um caso de “facelift” não invasivo com ácido hialurónico

A medicina estética está constantemente a criar soluções para as transformações que as pessoas procuram fazer na sua aparência. Uma das maiores problemáticas é o envelhecimento e uma das soluções apresentadas por esta área da medicina são os preenchimentos com ácido hialurónico. Desta vez, falamos do método MD Codes™, abreviação para Medical Codes (Códigos Médicos).

Com o intuito de devolver uma aparência mais jovem a quem faz este procedimento, os MD Codes™ consistem numa série de pontos identificados no rosto onde, injetando ácido hialurónico, o seu efeito será mais eficaz. Isto porque o ácido hialurónico não é necessariamente aplicado nas áreas onde se espera ver diferenças, mas sim noutra região que refletirá os resultados na zona desejada.

As grandes vantagens a destacar no método utilizado pelos MD Codes™ são:

  • O facto de permitir alcançar os resultados de um facelift, mas de forma não invasiva;
  • Uma maior rentabilização do ácido hialurónico, porque a quantidade é doseada de acordo com a necessidade de cada ponto facial;
  • O rejuvenescimento do rosto duma forma global, porque em vez de se analisar as correções a fazer de forma isolada, olha-se para o rosto como um todo, acabando por lhe dar um aspeto mais natural.

 

Um olhar global sobre um rosto (agora) mais jovem!

Com o objetivo de atenuar os sinais de envelhecimento e melhorar a harmonia facial de uma das nossas pacientes, a nossa dupla de cirurgiões, Dr. Nuno Fradinho e Dr. Nuno Maria, realizou um preenchimento facial global, utilizando o método MD Codes™, com 4ml de ácido hialurónico. A paciente queria ainda melhorar a forma de algumas regiões da face, como as maçãs do rosto ou o ângulo da mandíbula, para melhorar o contorno facial e a estrutura do rosto. Mas sempre com o cuidado de não as preencher excessivamente, para que não se tornasse inestético e estigmatizante.

Para além das áreas acima mencionadas, preencheram-se as seguintes zonas:

  • Olheiras – para reduzir o sulco e a consequente sombra que daí resulta;
  • Sulcos nasogenianos (comummente conhecido como “bigode chinês”).

Como cada região anatómica tem características diferentes, a quantidade e as características do ácido hialurónico injetado em cada uma delas também eram distintas, de acordo com a necessidade verificada.

Para dar um retoque final, aplicou-se toxina botulínica, para tratar as rugas dinâmicas, que estão relacionadas com a contração muscular excessiva. Os resultados estão à vista!

MD Codes™: um caso de “facelift” não invasivo com ácido hialurónicoMD Codes™: um caso de “facelift” não invasivo com ácido hialurónico

Caso Clínico #3120 – MD Codes (rejuvenescimento facial com ácido hialurónico)

O preenchimento com ácido hialurónico oferece uma solução bastante eficaz para quem pretenda fazer correções pontuais no rosto. Já os MD Codes™ apresentam uma solução mais apropriada para quem sinta necessidade de, de forma global, conferir ao rosto um ar mais jovem.

Assim, convidamo-la a vir à clínica MyMoment, para que possamos analisar o seu caso e sugerir o recurso mais viável para a sua situação. Entre em contacto connosco e dê o primeiro passo no sentido do seu rejuvenescimento facial.

MD Codes™: um caso de “facelift” não invasivo com ácido hialurónicoMD Codes™: um caso de “facelift” não invasivo com ácido hialurónico

Caso Clínico #3120 – MD Codes (rejuvenescimento facial com ácido hialurónico)

 

LIGAR AGORA
PEDIR INFORMAÇÕES
MARCAR CONSULTA