Menu

Hipnose clínica

Controle a sua mente e o seu corpo

Sabia que a hipnose clínica tem imensas potencialidades e é uma terapia adequada a imensas patologias?

A clínica MyMoment reúne na sua equipa os melhores especialistas do Mercado e decidiu apostar na hipnoterapia como terapia alternative para resolução de vários problemas e sintomatologias. Para o efeito convidou a Drª Carla Maia, hipnoterapeuta clínica, Diplomada pelo London College of Clinical Hypnosis.

Ver mais

O que é?

A hipnose clínica é baseada na indução de um estado de hipnose com um objetivo terapêutico. Na hipnose, o terapeuta transporta o paciente para um estado de alteração da consciência, semelhante ao “transe”, através de sugestões, levando a desligar-se das perceções externas focando-se no seu interior, num estado de relaxamento físico, psíquico e emocional.

Num estado hipnótico, o “transe” leva o corpo a entrar num estado semelhante ao de um sono, no entanto a mente, apesar de mais calma, está completamente focada e num estado de alerta até maior do que no estado de vigília. Este estado de foco e alerta permite ao paciente, estar mais recetivo e sugestionado a uma modificação positiva do comportamento a alterar.

A hipnose clínica é eficaz nos principais distúrbios neuróticos e psicóticos. Quando há um distúrbio emocional, o paciente tende a entrar em estados depressivos ou excessivamente ansiosos. A hipnose é uma ferramenta poderosa para conseguir um maior autoconhecimento, elevação da autoestima e autocontrolo, com vista a usufruir de uma vida mais plena, equilibrada e feliz.

O estado alterado de consciência foca a atenção do paciente num ponto específico a tratar, conduzido pela voz do hipnoterapeuta.

Este estado de introspeção permite ajudar o paciente a ultrapassar problemas e distúrbios de natureza psicológica e psicossomática, controlar ou eliminar vícios, superar hábitos, ultrapassar traumas e controlar o seu estado emocional.

São inúmeros os campos de aplicação da hipnoterapia, entre eles, controlo de baixa autoestima, melhoria das capacidades de aprendizagem e concentração, controlo de dependências, melhoria do desempenho desportivo, tratamento de disfunções psicossexuais, controlo da dor, enurese noturna, controlo de estados depressivos, insónia, luto e perda, medos e fobias, stress e ansiedade, controlo de tiques nervosos, controlo de peso, cessação tabágica, entre outras.

O número de consultas depende de um conjunto de fatores, entre os quais, da personalidade e do compromisso para a mudança do paciente, do momento do caminho da mudança em que se encontra, do sintoma em si e das técnicas já utilizadas, da compreensão sobre o sintoma e protocolo terapêutico e das expectativas do paciente.

Na clínica MyMoment, na grande maioria dos casos, iniciamos a terapia com a marcação de três consultas, uma por semana. Dependendo dos fatores indicados, em alguns casos estas consultas poderão ser suficientes por si só. Noutros casos poderá ser preferível usufruir de um maior número de sessões.

Hipnoterapia no controlo do stress

O stress é um dos maiores problemas da vida moderna atual. Seja em casa ou no trabalho, é cada vez mais difícil manter-se calmo e relaxado. Verdade? Ao passar a controlar melhor o stress na sua vida, eliminando as preocupações desnecessárias, irá sentir-se melhor, com mais energia, o seu sistema imunitário fortalecerá, conseguirá tomar melhores decisões e ser mais descontraído.

A hipnose clínica é uma das soluções mais rápidas e duradouras para situações relacionadas com o stress, abrindo portas para a capacidade natural do seu corpo atingir uma calma e descontracção profundas. Irá continuar a sentir toda a gama dinâmica de emoções, a zangar-se ou a ficar triste e a lidar convenientemente com qualquer situação. Mas a paisagem geral das suas emoções irá mudar. Controlará a sua raiva, o seu medo, sentirá menos desconforto físico e um maior bem-estar geral.

Este programa não é apenas para pessoas que estão stressadas na vida ou que se preocupam demasiado mas sim para todos os que querem atingir níveis de descontracção profundos, terem mais energia e viverem uma vida mais rica e plena!

Acabe com as insónias

Já pensou em combater insónias sem ter de recorrer a medicamentos? Tem dificuldades em dormir, em iniciar o sono, muitos despertares durante a noite ou acorda demasiado cedo? Tem uma mistura de todas estas situações ou até dorme bastante mas não sente que o sono seja restaurador e acorda mal-humorado, cansado e até irritado? Se sofre deste problema e só consegue dormir à base de comprimidos, a boa notícia é que é possível voltar a ter um sono tranquilo recorrendo a esta terapia.

A privação do sono compromete seriamente o funcionamento humano podendo levar a uma diminuição da sensação de bem-estar durante o dia, caracterizada pela alteração do estado de ânimo e da motivação, diminuição da atenção, da energia, da concentração e do aumento da sensação de fadiga.

Verifica-se uma prescrição exacerbada de fármacos para dormir, resultado de um desconhecimento dos tratamentos não farmacológicos, do acesso limitado a outras formas de ajuda profissional ou até mesmo à procura de uma solução que se considera a mais fácil – sociedade do comprimido. Contudo, tal opção pode causar dependência e até mesmo efeitos colaterais.

Se sente que a sua qualidade de vida está a ser afetada por perturbações de sono, opte por um tratamento não farmacológico, saiba que a hipnoterapia pode ser uma alternativa. Através do estado de hipnose, é possível entrar em contacto com a sua mente não-consciente e, calmamente reprogramar o hábito do seu sono, uma vez que ela se torna sugestível e aberta a novas ideias, hábitos e costumes. A melhor solução é reeducar a sua mente a dormir bem e sem medicamentos.

Dormir bem é uma habilidade completamente natural e intrínseca a qualquer ser humano e é também a sua. Com a hipnoterapia é possível restabelecer o seu ciclo de sono em quantidade e qualidade para que possa realmente usufruir desta sua habilidade natural.

Tranquilize a mente

Com a hipnose, o relaxamento com uma respiração profunda e controlada aumenta o aporte de oxigénio ao organismo e acalma o sistema nervoso; este aumento do fluxo respiratório e de sangue oxigenado faz baixar o débito cardíaco e também baixar a tensão arterial. À medida que se descontrai e se concentra, a sua saúde física e mental melhora.

As técnicas de relaxamento com hipnose permitem ter uma perspetiva mais clara das situações, viver melhor o presente e tomar decisões mais claras. Em última instância, o seu mundo interior ficará alinhado com o mundo exterior e, deste modo, vivendo com mais integridade. Experimente sessões de hipnose para relaxamento. Reserve 40 minutos do seu dia para cuidar de si!

É possível deixar de fumar?

Sim, é possível, em apenas algumas sessões. Não importa se fumou toda a sua vida, ou até se já tentou inúmeras vezes sem sucesso deixar este hábito aditivo. A hipnose clínica permite tratar a razão de fundo que o(a) leva a fumar e não apenas o sintoma.

A hipnose clínica pode ajudá-lo a deixar de fumar e a fazê-lo de uma forma acessível para si; reprogramando a sua mente através de vários exercícios e ensinando-lhe técnicas específicas para destruir a sua atual programação e construir novos hábitos e uma sensação de bem-estar. Pode ensiná-lo a afastar a vontade de pegar num cigarro e a encontrar outras formas de ter prazer.

Fumar é uma resposta habitual e treinada ao stress e à nicotina. Ora, cada um dos nossos hábitos, sejam saudáveis ou não, funcionam no nosso cérebro como programas de computador. Assim, é difícil desfazer o hábito de fumar com raciocínios lógicos ou estatísticos – é necessário reprogramar a mente! O papel da hipnose clínica é ajudá-lo a reconquistar a sua vida… sem tabaco.

E emagrecer? A hipnoterapia também consegue que perca peso?

Na maioria dos casos, a origem de problemas de peso não é fisiológica, mas emocional. Se está a tentar preencher o de vazio da sua vida ou, mais especificamente, o vazio que sente na sua barriga, não o conseguirá com nenhuma quantidade de comida. Comer para preencher o vazio, traz apenas um alívio temporário. Com a hipnose clínica vai encontrar excelentes alternativas e mais gratificantes do que o comer mal ou demais. Vai parar de fazer uma alimentação incorreta e isto porque, simplesmente, não vai sentir a necessidade de o fazer.

A hipnose clínica baseia-se na introdução de pequenas sementes que despoletam reflexões internas que, por sua vez, desencadeiam mudanças naturais. Por isso, prepare-se para conseguir concretizar verdadeiras mudanças na sua mente e no seu corpo!

Dra. Carla Maia

Carla Maia é hipnoterapeuta clínica certificada pela International Association of Counselors and Therapists, pela International Medical and Dental Hypnotherapy Association e diplomada pela London College of Clinical Hypnosis.

Ver mais

Perguntas Frequentes

Significa entrar num estado de alteração da consciência, semelhante ao “transe”, através de sugestões, levando a desligar-se das perceções externas focando-se no seu interior, num estado de relaxamento físico, psíquico e emocional.

O tempo da sessão depende de caso para caso, consoante a problemática que trás o paciente à consulta. Normalmente as sessões demoram de uma a duas horas.

Todas as pessoas saudáveis podem ser hipnotizadas. Na verdade, a hipnose, é um fenómeno natural que ocorre no nosso dia-a-dia. Quem já não experimentou, a sensação de tomar um banho e de se ir desligando de tudo e viajar nos pensamentos? Quem já não experimentou andar quilómetros e só depois verificou que tinha andado demais?

O número de consultas depende de um conjunto de fatores, entre os quais, da personalidade e do compromisso para a mudança do paciente, do momento do caminho da mudança em que se encontra, do sintoma em si e das técnicas já utilizadas, da compreensão sobre o sintoma e protocolo terapêutico e das expectativas do paciente.

Sim, no entanto o terapeuta é a pessoa indicada para avaliar caso a caso. Como contra indicação absoluta, a hipnoterapia não deve ser feito em pacientes portadores de esquizofrenia, epilepsia, psicoses endógenas e senis. Como contra indicações relativas, não é aconselhável a realização de hipnoterapia a pacientes em estados de hipotonia, com objeções religiosas, falta de recetividade, uma tendência pronunciada para resistir a técnicas terapêuticas.

Ansiedade, ansiedade de performance, stress, ataques de pânico, baixa autoestima, controlo de peso, deixar de fumar, disfunções psicossexuais, desenvolvimento pessoal, estados depressivos, enurese noturna, fobias / medos, gestão do stress, melhoria da concentração, parto, problemas dermatológicos, treino da assertividade, tiques, insónias, entre outros.

A hipnose é um estado de atenção focalizada, o que não quer dizer que se perca a consciência. Pelo contrário, é ficar atento, com uma atenção especial. Isto, muitas vezes, pode significar prestar atenção a tudo o que o hipnoterapeuta diz. A pessoa em transe hipnótico pode sentir, ouvir e até falar, se assim quiser.

Não. Hipnose não é sono. É um estágio anterior.
Em hipnose, enquanto o corpo entra num estado muito semelhante ao de dormir, a mente fica muito desperta. O transe hipnótico parece sono do ponto de vista físico (atividade diminuída, relaxamento muscular, respiração suave, etc.) mas, do ponto de vista mental, a pessoa está calma mas focada .

Não. Ninguém o pode hipnotizar contra a sua vontade, assim como você não pode ser forçado a fazer ou dizer algo que não queira. Você tem a liberdade de rejeitar quaisquer sugestões a qualquer momento, durante a sessão. O paciente é protegido pelo seu inconsciente de fazer aquilo que não deseja. Caso o hipnoterapeuta controle o paciente, é porque o paciente considerar que tal situação o pode ajudar.

Não, não é possível. O máximo que pode acontecer é a pessoa adormecer. O transe hipnótico é um estado entre a vigília e o sono, entre o estar acordado e a dormir. Se aprofundarmos o transe, iremos entrar num sono natural e depois de algum tempo acordamos, como acordam naturalmente as pessoas após dormirem.

Não necessariamente. A hipnose pode ser induzida via relaxamento, mas nem toda a hipnose é relaxamento. Um atleta a correr ou a nadar pode estar em transe hipnótico e não estar relaxado.