Menu
  • info@mymoment.pt
  • 21 894 94 94

Sensibilidade / Couperose

Rubor na face

A hiper-sensibilidade e a vermelhidão da pele podem estar ligadas tanto a fatores internos como externos, que podem causar uma disfunção na barreira de proteção natural da pele, resultando no aparecimento de vermelhidão, eritemas ou inflamação.

Ver mais

A Couperose, ou Rosácea, é uma doença bastante comum, por vezes considerada apenas como um mero rubor no rosto. De acordo com um estudo do “Observatoire de la Rougeur”, de 2005, cerca de 65% das mulheres com mais de 25 anos afirmam ter sinais de vermelhidões no rosto. Numa primeira fase, as vermelhidões são caraterizadas por serem difusas e intermitentes. Nesta fase as vermelhidões podem ser acompanhadas de sensações de desconforto,  como repuxar, picadas, calores e secura cutânea. Numa fase mais avançada e quando se tornam permanentes demominam-se de couperose. As primeiras vasodilatações permanentes ocorrem por volta dos 20 a 30 anos, mas há casos em que surgem na adolescência, ou mais tarde, por volta dos 40 anos. Estas peles são mais frágeis, menos capazes de se defenderem e a sua reactividade é mais facilmente visível.

As causas da Couperose são ainda desconhecidas (está bastante associada à hereditariedade), mas o rubor situa-se essencialmente nas maçãs do rosto, nariz e queixo. A pele fica com um aspecto avermelhado, devido ao fecho dos vasos capilares, pelo que as paredes capilares se tornam mais frágeis e expandem-se, o que é sobretudo visível nas peles mais finas.

Existem factores de desencadeantes capazes de desenvolver vermelhidões como:

  • Ambiente (frio, calor, sol, vento, variações de temperatura);
  • Certos excitantes (álcool, café, tabaco…);
  • Emoções;
  • Produtos cosméticos inadaptos ao tipo de peleou contendo substâncias irritantes;
  • Medicamentos (corticóides e retinóides locais aplicados de forma abusiva).

A diminuição do limiar de tolerância cutâneo nas peles sensíveis e com couperose é devido a:

  • Alteração da função barreira cutâneaque normalmente protege-a das agressões exteriores e contribui para a manutenção da sua hidratação;
  • As terminações nervosas presentes ao nível da pele produzem os neurotransmissores induzindo uma inflamação.

É uma doença que afecta tanto mulheres como homens e que torna a pele bastante frágil.

Após a realização do diagnóstico, podem ser aplicadas técnicas para combater todos os efeitos descritos, ou minorar os efeitos do mesmo.

Perguntas Frequentes

As peles finas, secas e claras, são as peles mais afectadas devido à sua constituição (estrato córneo e filme hidrolipídico reduzido) e por serem peles mais frágeis, sendo mais notória a sua reactividade (vermelhões).

O rubor pode ser agravado pela ingestão excessiva de álcool, de bebidas muito quentes ou muito frias, comida picante, especiarias, tabaco, súbitas mudanças de clima, limpar a pele com água quente ou fria e o uso de produtos de limpeza e de tratamento da pele que sejam demasiado estimulantes.

O tratamento e o número de sessões varia de pessoa para pessoa, porque o tipo de rosácea também difere. Alguns antibióticos e cremes específicos são eficazes em grande parte dos casos. No entanto, deverá marcar a sua consulta na clínica MyMoment para que o seu caso seja avaliado individualmente e para que lhe seja prescrito o plano de tratamentos mais adequado.